Está aqui

Escrita online: técnica da pirâmide invertida

Tornam-se cada vez mais evidentes as diferenças entre escrever para a Internet e escrever para um jornal ou revista. Se a forma como lemos online é diferente da forma como lemos em papel, então também o estilo de escrita terá de ser distinto. Uma das técnicas utilizadas para uma escrita online apelativa é a da pirâmide invertida.

Hábitos da leitura online

Na busca de dados específicos, os leitores de conteúdos online passam os olhos pelo início de um artigo ou fazem uma leitura diagonal dos subtítulos e listas para determinarem se aquele artigo possui a informação que pesquisam. Se um artigo escrito para a Internet estiver dividido em quatro partes, por exemplo, sabe-se que a maioria dos utilizadores lê a primeira parte e alguns continuam a ler a segunda parte; no entanto, serão já muito menos as pessoas que chegam a ler a terceira parte e são muito poucos os utilizadores que leem um artigo online do princípio ao fim. De forma a prender a atenção de um leitor logo a partir das primeiras palavras ou frases de um artigo, é necessário começar com a ideia chave, ou seja, o assunto em questão. É aqui que entra a técnica da pirâmide invertida.

O que é a técnica da pirâmide invertida?

Ao contrário do estilo de escrita narrativo tradicional, a técnica da pirâmide invertida é um estilo de escrita pensado especificamente para a escrita online. Nesse sentido, começa-se pelo fim, ou seja, o tópico principal do assunto em questão (ou a conclusão) deve abrir o artigo, seguido de informação de apoio e outros detalhes relevantes; terminando com alguma história ou dados gerais para contextualizar o assunto apresentado. Com a informação chave em destaque, é mais fácil prender de imediato o leitor – uma dica importante para quem quer escrever para a Internet com sucesso.

O que é o estilo narrativo tradicional?

Sendo geralmente utilizado para a escrita de artigos em suporte de papel (jornais, revistas, livros…), o estilo narrativo tradicional é o oposto da técnica da pirâmide invertida: o artigo começa por apresentar dados gerais ou históricos para contextualizar o assunto em destaque; seguindo-se de informação de apoio e outros detalhes relevantes, normalmente apresentados em ordem cronológica; terminando com a conclusão, ou seja, o tema principal do artigo. Ora, se já verificamos que os hábitos de leitura online não permitem que a maioria dos utilizadores chegue ao final de um artigo, então o estilo narrativo tradicional não é o mais adequado para a escrita online – caso contrário a informação mais importante poderá nunca ser lida.

Caso prático

Parágrafo introdutório de um artigo, utilizando o estilo narrativo tradicional:

O bilhete de cinema mais caro do mundo

A conceituada consultora Mercer analisou, recentemente, o preço de vários produtos do nosso quotidiano em 23 cidades de todo o mundo e os resultados foram publicados no estudo “Cost of Living Survey 2010”. O preço de um bilhete de cinema foi um dos bens contemplados e Lisboa ficou em 16º lugar, onde o preço de um bilhete de cinema ronda os €6,42. No pódio dos mais caros estão, em 3º lugar, Dublin, onde um bilhete de cinema custa €11,63; seguido de Londres, onde uma pessoa precisa de desembolsar €13,66 para ir ao cinema. O bilhete de cinema mais caro do mundo registou-se em Tóquio, onde custa €16,16.

Parágrafo introdutório de um artigo, utilizando a técnica da pirâmide invertida

O bilhete de cinema mais caro do mundo

É em Tóquio que se vende o bilhete de cinema mais caro do mundo: custa €16,16, ou seja, mais €9,74 do que em Lisboa. Em 2º lugar está Londres, onde uma pessoa precisa de desembolsar €13,66 para ir ao cinema; e em 3º lugar está Dublin, onde um bilhete de cinema custa €11,63. A capital portuguesa ficou no 16º lugar. Estes dados são o resultado de um estudo efetuado pela conceituada consultora Mercer – “Cost of Living Survey 2010” – que analisou o preço de vários produtos do nosso quotidiano em 23 cidades de todo o mundo.

Estilo narrativo tradicional vs. Técnica da pirâmide invertida

Se for um utilizador da Internet à procura desta informação online (ou outra informação qualquer), quer chegar até ela o mais rápido possível. Qual é o estilo de escrita que proporciona essa rapidez de informação? A técnica da pirâmide invertida, sem dúvida. Porquê? Porque apresenta, logo na primeira frase, aquilo que o utilizador procura, atraindo-o para a leitura do restante artigo. Se colocasse online o parágrafo introdutório escrito segundo o estilo narrativo tradicional, o mais certo era o utilizador fazer o retrocesso e continuar a sua pesquisa. Se os utilizadores procuram informação rápida, sucinta e clara, quem escreve para a Internet tem de proporcionar essa informação e uma forma de o fazer é com recurso à técnica da pirâmide invertida. Para além de ser mais apelativa, a técnica da pirâmide invertida também permite a quem escreve, trabalhar a sua capacidade de resumo e de escrever inspirado no interesse imediato – mais duas características para escrever online com sucesso.

Votação: 

Votação

Em que altura do dia costuma escrever mais?
De manhã
15%
À tarde
17%
À noite
68%
Votos totais: 652

Iniciar sessão

Newsletter

Mantenha-se informado sobre as nossas novidades.