Está aqui

Câncer realmente é o fim ou o começo de uma nova vida.

2 entradas / 0 new
Última mensagem
Giovana Ruas Pereira
Retrato de Giovana Ruas Pereira
Offline
Last seen: 3 anos 5 meses atrás
Membro desde: 05/29/2015 - 19:31
Câncer realmente é o fim ou o começo de uma nova vida.

Tudo para ser feliz
Num mundo vazio, onde todos dizem sofrer por diversos percalços, existem aqueles que mesmo sabendo que podem partir a qualquer momento, ainda lutam para sobreviver, e fazem sua existência ser incrível e inesquecível para aqueles que tiverem o prazer de compartilhar.
Será que vale à pena se apaixonar, quando se tem a certeza de que o seu fim pode ser rapidamente? A resposta é sim, aprendemos com os obstáculos, que por maiores que eles sejam, e mesmo que venham a nos ferir, um dia a ferida cicatriza, e que de tudo se pode tirar uma lição.
Todos nós sabemos que a lei da vida é ir e vir, um nasce e muitos morrem, ninguém fica pra semente.
E porque não fazer dos seus únicos momentos, inesquecíveis, e porque não se entregar à vida, abrir os braços, mesmo que não te acolham, mas se dar para o presente, sem esperar recompensas do futuro.
A incerteza sempre vai bater na porta, porque infelizmente a única certeza de que temos, é que a vida é curta, e o fim para todos é a morte.
Onde não tem volta, onde as lembranças só serão marcas, e jamais repetidas.
A vida é uma luta diária, que se é necessário remar, mesmo que não tenha forças de que não adianta velejar, porque um simples vento pode te derrubar.
Todos os dias temos uma nova chance para valorizar o que temos, e abraçar a felicidade enquanto podemos.
Mas preferimos declinar todos os dias, carecer sempre com questões que nos machucam, em vez de aproveitar o curto tempo que ainda nos resta.
Se todos fossemos eternos, ainda assim, encontraríamos mais uma maneira para transformar o tempo curto com alarde de ingratidão.
Porque somos um tanto quanto egoístas, em somente pensar em nós mesmo, esquecendo-se de que o amanhã pode chegar ainda mais rápido.
A vida é frustrante, mas sendo assim, não sente e espere que o seu dia seja melhor, se levante, e estenda a mão para o seu futuro, com as melhores intenções, não espere ser reconhecido, não espere ser lembrado.
Faça a sua parte, que a sua recompensa enquanto viver, pode ser um trunfo para a sua felicidade.

Ruthlene Benicio
Retrato de Ruthlene Benicio
Offline
Last seen: 3 anos 4 meses atrás
Membro desde: 07/20/2015 - 18:54
Ambos!

A respeito do assunto, posso dizer que a resposta para o questionamento é o sitado acima.
O câncer chega, assim como outras doenças, e devasta, não só quem o tem, mas inúmeros a sua volta! Digo porque já o enfrente como espectadora (para mim a pior maneira de encará-lo). Por três anos conturbados por motivos sociais e financeiros, meus irmãos e eu, vimos nossa mãe travar esta batalha desleal. Ela já havia "aceitado" a situação e tentava nos convencer do mesmo, porém nos recusávamos.
Minha mãe, uma das muitas brasileiras que criaram seus filhos sozinhas sem jamais pensar na possibilidade de não fazê-lo, passou três anos de sua vida em hospitais, ambulâncias e paradas de ônibus porque queria vencer e, venceu!
Minha mãe faleceu três anos depois em decorrência da doença. Contudo, criou seis filhos sozinha, os educou o os tornou bons seres humanos e depois de anos de sofrimento, ela encontrou a paz.
Para muitos, o fim de sua vida, para ela o início de tudo.

Inicie sessão ou registe-se para publicar comentários

Votação

Em que altura do dia costuma escrever mais?

Iniciar sessão

Newsletter

Mantenha-se informado sobre as nossas novidades.