Está aqui

DEVANEIOS.

1 entrada / 0 new
Priscila Barrelin
Retrato de Priscila Barrelin
Offline
Last seen: 5 anos 1 mês atrás
Membro desde: 11/16/2013 - 14:38
DEVANEIOS.

Como o vento que vai para longe e nunca se sabe se volta ao mesmo lugar, assim és minha vida. Assim são os meus passos, caminhos gastos, cada passo dado, perdido... Assim como os grãos de areia do deserto que o vento carrega para longe, assim estão meus pensamentos, minhas dúvidas...
Ha, na verdade são minhas confusões ou talvez meus devaneios que me deixam assim, criando asas para longe, para aquele lugar... Aquele lugar que somente eu me entendo, que até chego ao meu total egoísmo, aquele lugar em que deixo pessoas confusas, sem saber onde estão se metendo, onde minha vida se contradiz por muitas vezes. Onde a minha felicidade e tristeza tem proporções criadas por mim, e não por consequências do destino.
Como a correnteza que leva as águas do lindo rio, assim és meu riso dado a cada curva, assim és minha confiança forte a cada obstáculo.
Assim como as grandes rochas de todo o mundo, se concentra a força de minha fé em meu coração.
Ha quem não entenda uma grama de cada palavra escrita, de cada significado que para muitos não há sentido, e que para poucos há magia em cada letra.
Pois assim se contradiz, se inventa e se cria a fantasia das mais diversas formas, de todos os jeitos.
Somente eu com meu tempo não perdido, pairada ao tempo a pensar em minha vida e a resumi-la da forma que eu bem entender e sem dar a minima importância ao que vão pensar sobre a minha escrita, somente eu dou-me o valor de escrever e de expor os meus mais estranhos momentos da qual me prostro diante desta tela e sinto prazer no que faço.

Se Deus me deu um dom, que seja esse, que seja qual for eu irei usá-lo da forma em que me sentir bem, em que me sentir feliz. E assim hoje estou.

Votação

Em que altura do dia costuma escrever mais?
De manhã
15%
À tarde
18%
À noite
68%
Votos totais: 786

Iniciar sessão

Newsletter

Mantenha-se informado sobre as nossas novidades.